Os 8 Passos de Raja Yoga

Os 8 Passos de Raja Yoga

Compilados pelo Maharishi Patanjali Sage no Yoga Sutras, os oito passos são uma série progressiva de etapas ou disciplinas que purificam o corpo e a mente, levando o yogui para a iluminação. Os oito passos são:

1. Yamas

Os Yamas, ou restrições (os Nãos) são divididos em cinco preceitos morais, que visam destruir a natureza inferior. Deve ser praticado e desenvolvido no corpo, mas, mais importante, no espírito. Todos devem ser praticados em pensamento, palavra e ação.

  • Ahimsa ou não-violência
  • Satyam ou verdade
  • Brahmacharya ou moderação em todas as coisas (o controle de todos os sentidos). Também se refere ao celibato.
  • Asteya ou roubar
  • Aparigraha ou não cobiçar

2. Niyamas

O Niyama ou observâncias. (O Sim), também se dividem em cinco e completam os preceitos éticos que começam com a Yamas. Estas qualidades são:

  •  
  • Saucha ou pureza. Limpeza interna e externa
  • Santosha ou contentamento
  • Tapas ou austeridade
  • wadhyaya ou estudo de textos sagrados
  • Pranidhana Ishwara é viver constantemente tomando consciência da presença divina. (se renda à vontade de Deus)

3. Asanas

Posturas

4- Pranayama

Regulação ou controle da respiração. Asanas e Pranayama formam a sub-divisão de Raja Yoga conhecida como Hatha Yoga.

5- Pratyahara

Controle dos sentidos para acalmar a mente.

6- Dharana

Concentração. Os três últimos passos constituem a prática interna de Raja Yoga. Dharana é alcançada quando nos leva para a próxima etapa:

7- Dhyana

A meditação é um estado de pensamento puro e absorção no objeto de meditação. Ainda há dualidade na Dhyana. Quando aperfeiçoado, Dhyana leva ao último passo:

8- Samadhi

Estado de supra consciência. Em Samadhi se experimenta a não-dualidade ou unidade. Este é o estado de consciência mais profundo e mais elevado, onde o corpo e a mente foram superados e o Yogui é um com o Ser ou Deus.